Por que é importante entender os algoritmos?

Também chamados de robôs, os algoritmos das redes sociais permitem ao usuário uma experiência social mais completa e objetiva em cada tipo de plataforma. 

Não entendeu ainda?

Imagine que cada rede social é um hotel, o usuário é seu hospede e os robôs são os funcionários. Graças as pessoas que trabalham nos hotéis podemos ter acesso as mais diversas experiências, como o serviço de quarto, ou até mesmo um jantar especial. 

O mesmo acontece nas redes sociais, o algoritmo serve para facilitar e auxiliar a experiência do usuário. 

Mas, como dito antes, cada algoritmo de cada rede social funciona de forma diferente: 

Algoritmo do LinkedIn

Vamos pegar o exemplo do hotel de novo, o LinkedIn seria um hotel voltado para trabalhadores, em que sua função é entregar o maior conforto e credibilidade para que o usuário tenha mais sucesso na sua experiência profissional. 

Por conta disso o LinkedIn tem um algoritmo voltado para entrega de posts credíveis na linha do tempo, que passa por quatro fases de verificação até conseguir alcançar um alto número de engajamento. 

  • Fase 1 é de avaliação do conteúdo, em que o algoritmo categoriza o post em spam, baixa qualidade ou bom. 
  • Se o post for um desses dois últimos, passa para a fase 2 de teste de engajamento, em que o post é mostrado no feed para testar o potencial de engajamento. 
  • Se os índices forem positivos, com muitos comentários e likes, passa para a fase 3, que é um check de autenticidade, em que o algoritmo verifica se a conta criadora do post é falsa ou não (lembrando que contas mais completas e ativas na plataforma têm mais chances de conseguir engajamento e passar por essas fases). 
  • Fase 4 é a revisão manual, sim isso mesmo, manual. O LinkedIn é a única rede social que possui funcionários que complementam o algoritmo. Eles têm o trabalho de analisar as postagens que passaram nas fases anteriores para analisar como e porque estes tiveram esse destaque. 

Segundo o LinkedIn eles criaram esta fase para saber como o público está pensando e reagindo, com o intuito de sempre melhorar a experiência da plataforma. As postagens bem avaliadas nessa fase ganham um tempo de relevância estendido, ou seja, elas recebem prioridade, mesmo com o passar dos dias.

Você sabia que têm influenciadores do LinkedIn? As pessoas com mais engajamento durante o ano na rede social, começam a fazer parte de uma lista chamada Top Voices

Algoritmo do Facebook

O algoritmo do Facebook é especial.

Isso porque eles foram os criadores do algoritmo, ou seja, eles criaram a categorização de conteúdo, por causa da grande demanda de posts que a linha do tempo possuía e graças ao sucesso da plataforma. 

E até hoje, ninguém sabe ao certo como esse algoritmo foi criado.

Dessa forma eles criaram a experiência de foco de cada usuário, que consiste em criar uma linha do tempo “personalizada” para cada um. 

A famosa bolha social.

Ressaltando assim, os posts mais relevantes para cada usuário baseiam-se em:

  • Autenticidade de posts, em que as nativas são mais relevantes; 
  • Conteúdo visual e audiovisual tem preferência; 
  • Notícias e assuntos mais comentados no momento têm prioridade; 
  • Posts com mais reações, comentários e compartilhamentos aparece em mais linhas do tempo, pois tornam-se relevantes; 
  • O tempo de interação com o post. Quanto mais tempo e engajamento o usuário tiver com o post, o algoritmo entende que esse tipo de conteúdo é relevante, mostrando mais posts com o assunto e/ou parecidos.

Lembrando que: o algoritmo do Facebook foi modificado para priorizar conteúdos de amigos e família. Por isso a linha do tempo tem uma dominância de posts de grupos e amigos. 

Assim, as empresas ou profissionais devem mudar a forma como engajam nessa plataforma, como por exemplo, a “chamada para ação” dos conteúdos deve ressaltar e instigar o usuário a comentar e marcar amigos. 

A utilização do Facebook Ads também auxilia bastante no crescimento de engajamento.

E para finalizar

Respondendo à questão inicial, é importante entender o algoritmo das redes sociais para aumentar as chances de criar engajamento para seu negócio. 

É como um mapa para o tesouro perdido, se você o tiver, o caminho será guiado e tudo que você tem que fazer é percorrer. 

Poético, não?

A nossa dica é: não deixe de se atualizar. 

Pois essas plataformas estão sempre buscando novas formas de melhorar a experiência do usuário, então estar sempre estudado como os algoritmos estão funcionando é fundamental.

Aqui na 5tart, nós sempre avisamos quando alguma atualização é feita, por isso, nos siga nas redes sociais para não ficar desinformado.

Ah, e não se esqueça de engajar conosco.

Categorias

Gostou do Conteúdo?! Deixe seu comentário abaixo!

Menu